Menu

PIBIS

O “Programa Institucional de Apoio a Inclusão Social – Pesquisa e Extensão” (PIBIS) da Fundação Araucária vem sendo desenvolvido pela Fundação Araucária desde 2005, a UFPR participa do referido Programa desde 2006, o que tornou possível a participação anual de um número que variou entre 130 e 240 estudantes, em programas e projetos de extensão e pesquisa, em diversas áreas de conhecimento, nos diversos campi da UFPR. O Programa constituiu-se como interdisciplinar, com resultados importantes em termos de inclusão social, promoção educativa, cultural, científico/tecnológica e política, ao articular os/as estudantes à extensão e pesquisa.

O programa tem por objetivo a formação de recursos humanos para a pesquisa e extensão, direcionadas a temas de interesse social; de favorecer o acesso dos estudantes ingressantes no ensino superior por meio do sistema de cotas na cultura acadêmica; e de promover a inserção destes estudantes em atividades científicas, tecnológicas e/ou de inovação. 

O programa é lançado por meio de edital da Fundação Araucária sempre na metade do ano, e após a aprovação do referido projeto pela Fundação Araucária da UFPR, por meio da SIPAD lança seu edital de inscrição de projetos e bolsistas, conforme critérios de inscrição e seleção, que são para alunos cotistas. A vigência do projeto com as referidas bolsas, são de 12 meses e cada projeto pode selecionar até dois bolsistas, e cada professor pode propor até dois projetos diferentes. Nos últimos dois anos tivemos uma redução da quantidade de bolsas devido ao ingresso de mais universidades concorrerem ao edital, e as bolsas precisaram ser distribuídas. A Fundação Araucárias por anos não aumenta o número total das bolsas, por este motivo reduz nas universidades, pois divide-se com mais universidades a mesma quantidade de bolsas.

A Superintendência de Inclusão, Políticas Afirmativas e Diversidade (SIPAD), posta em funcionamento em 2018, passou a ser responsável institucional pelo desenvolvimento, na UFPR, do “Programa Institucional de Apoio a Inclusão Social – Pesquisa e Extensão” (PIBIS) da Fundação Araucária. Os objetivos da SIPAD e do PIBIS se somam e é com este espírito de ampliar o papel social de promoção de pesquisa, extensão e ensino de forma articulada com a promoção da equidade que se efetiva a realização de um evento específico de “Diversidade e Inclusão Social”.  A SIPAD tem como missão propor, fortalecer e concretizar políticas de promoção de igualdade e da defesa de Direitos Humanos, visando o desenvolvimento de ações afirmativas; do reconhecimento da diferença e da diversidade; do atendimento aos direitos de pessoas com necessidades especiais, com deficiência, altas habilidades/superdotação, surdos/as, negros/as, indígenas, quilombolas, comunidades tradicionais, povos do campo, mulheres, LGBTIs, migrantes, refugiados/as, solicitantes de refúgio ou portadores/as de acolhida humanitária, apátridas e outros grupos histórica e socialmente subalternizados, no âmbito acadêmico, pedagógico e institucional da comunidade da UFPR.

Entre 2006 e 2009 foram realizados eventos específicos do PIBIS (então PAAF), com apresentação dos bolsistas de resultados de suas pesquisas e projetos extencionistas. No período de 2010 a 2018 foi realizado apresentações de trabalhos na Semana de Ensino, Pesquisa e Extensão da UFPR, onde são contempladas apresentações de ensino, pesquisa e extensão, e também estão aqui as apresentações do PIBIS. Em 2019 na semana de ensino, pesquisa e extensão, onde foi contemplado o 27º EVINCI 12º EINTI 18º ENAF 18º ENEC, e então foi criado o 1º EDISPE onde retoma estas ações de forma mais abrangente e incorporado na SIEPE. O diálogo entre os conhecimentos trazidos por estudantes negros/as, periféricos/as, indígenas, quilombolas e os conhecimentos produzidos e difundidos na pesquisa e extensão possibilitaram a UFPR ampliar seu papel de formação ao mesmo tempo científica e cidadã, atuando para uma relação transformadora entre a Universidade e a sociedade.

O momento de recrudescimento de políticas educacionais no ensino superior e na educação básica, com grandes cortes orçamentários, aumenta o desafio a que a UFPR não se furta, de ampliar a qualidade de forma articulada com a inclusão social, o desenvolvimento de políticas afirmativas que possibilitam melhora de condições para grupos subalternizados e o respeito aos Direitos Humanos.

Profº Dr Paulo Vinícius Baptista da Silva, Coordenador do PIBIS e Superintendente da SIPAD

Rosangela Gehrke Seger, Servidora Assistente de Administração, Assessora do PIBIS, Doutoranda em Educação

UFPR nas Redes Sociais

UFPR no Flickr
Universidade Federal do Paraná
SIPAD
Rua XV de Novembro, nº784 - Praça Santos Andrade (Térreo)
Fone(s): (41) 3310-2699
CEP 80.060-000 | Curitiba |


©2021 - Universidade Federal do Paraná

Desenvolvido em Software Livre e hospedado pelo Centro de Computação Eletrônica da UFPR